O que o cliente espera da agência? 

Cliente - Papo de Job
Atenção, criatividade, resultado, comprometimento?
Férias acabando e 2017 já tomando ritmo, cheio de novas possibilidades, cheio de planos, de esperança e de job! Entre promessas e expectativas, que tal pensar no nosso atendimento?!Todo mundo sabe a importância de se manter um bom relacionamento com o ciente em qualquer segmento de mercado, inclusive da publicidade. Quem trabalha em agência adora ouvir um elogio à criação e sabe o quanto a gente torce para que aquela campanha, que deu tanto trabalho, vá ao ar com muito sucesso, né?!

O que o cliente quer é dedicação, é ter na agência um parceiro que está no mesmo ritmo e com a mesma disposição dele. O cliente não precisa apenas de uma arte bonita, ele precisa de envolvimento e, infelizmente, a gente não tem visto muito disso no mercado.

Em tempos de clientes retraídos, verbas curtas e instabilidade, segue aqui umas dicas pra repensar o atendimento e manter aquele cliente que já está na casa, por muito e muito tempo.

. Dedicação – Tão natural, deveria ser, mas não acontece na prática. A agência precisa de dedicação para entender o negócio do cliente, saber como ele trabalha, conhecer produtos, serviços, estar presente no dia a dia. Sem ter conhecimento profundo, não há como criar uma campanha genial, menos ainda ter resultado com ela.

 . Disponibilidade – Acredite, está fazendo falta. As agências diminuíram suas equipes e estão tendo que abraçar um número cada vez maior de clientes com verbas menores para conseguir sobreviver. O resultado tem sido falhas no atendimento. Não se pode abraçar o mundo e eu entendo a dificuldade de se trabalhar com verbas menores. Mas acontece que se você não segurar o relacionamento, os clientes começam a procurar quem tem tempo pra eles.
 . Entrega – Promessa X Entrega. Um dos piores problemas no mercado de comunicação, muitas promessas, promessas de resultado, de melhor atendimento, de retorno no investimento. Mas ainda vejo clientes reclamando que nada acontece, que precisam lembrar a agência das suas demandas.

 . Parceria – O cliente espera um parceiro. Essa é a posição que a agência precisa ter. Precisa estar junto, conhecer o dia a dia, construir junto, vibrar com cada conquista. Precisa também aceitar questionamentos, aprender com os erros não jogá-los de voltar e eximir-se de culpa.

Enquanto as agências ficarem preocupadas em só ter layout aprovado, elas deixam de ter credibilidade, os clientes passam a vê-la como custo e, em tempos de crise, os custos são cortados! Pensa nisso.

Você pode gostar...