Sua vaga no mercado de TI com a GoTalent

GoTalent

Aproximar quem busca emprego das empresas que ofertam vaga, que missão mais nobre, né?! Ainda mais em tempos de tamanha dificuldade para as duas partes. A GoTalent identificou essa dificuldade no mercado de TI e se especializou em unir as duas pontas. A GoTalent é uma empresa de recrutamento e seleção, especializada na área de Tecnologia da Informação.

No Papo de hoje você conhece a GoTalent, entende o que a empresa faz e quem pode se beneficiar com os seus serviços, num Papo com Edinor Junior, Diretor Executivo da empresa.

Papo: O que é a GoTalent?
Edinor: Nós atuamos como portal de anúncios de vagas e como facilitadora no processo de recrutamento e seleção, nossa ferramenta online tem como objetivo tornar cada vez mais simples esse processo e, principalmente, evidenciar o talento do profissional para as empresas. Nós existimos desde 2014 e agora em 2016, estamos lançando uma nova plataforma. Temos grandes planos para 2017, que acredito, irão revolucionar o setor, mas ainda é cedo para falarmos sobre isso.

Papo: Foi uma ideia sua? Como surgiu?
Edinor: A GoTalent iniciou como uma Startup chamada Match Talent no Startup Weekend em 2014, o pitch da empresa não conquistou a opinião dos mentores do evento mas eu, que não estava envolvido no início, gostei da idéia de uma empresa que ajudasse a área de TI. Sendo profissional da área eu vi naquele negócio uma chance de construir algo que pudesse fazer um impacto profundo nesse segmento, me apresentei ao pessoal da Match Talent e logo nós mudamos o nome da empresa para GoTalent. Alguns dos membros fundadores saíram ainda nesse inicio e acabamos ficando em três sócios fundadores.

Mercado de TI - Papo de Job

Edinor Júnior – GoTalent

Papo: De onde vem o faturamento?
Edinor: Nós trabalhamos com um modelo freemium para o usuário, sabemos que quem está em busca de uma vaga no mercado de trabalho nem sempre tem condições de arcar com uma assinatura de um serviço como o nosso, por isso é possível que o profissional faça seu cadastro gratuito na plataforma e para aqueles que quiserem uma vantagem competitiva, e acesso a outras oportunidades exclusivas, é possível fazer uma assinatura premium, que possui um valor bem abaixo do mercado. Além disso, temos alguns planos para empresas.

Papo: Quantas empresas e profissionais a GoTalent já ajudou?
Edinor: Nós temos em nossa base atualmente mais de 20 mil profissionais e cerca de 200 empresas registradas. Nesse período nós tivemos mais de 500 vagas preenchidas por meio da nossa plataforma. Alguns casos de vagas preenchidas superaram nossas expectativas, como uma vaga que foi preenchida com 30 minutos de anúncio, o que nos enche de orgulho e motivação para continuar o trabalho.

Papo: É a sua atividade exclusiva ou você concilia com algum outro trabalho?
Edinor: Desde 2015 eu estou me dedicando exclusivamente à GoTalent, eventualmente dou aulas para Pós Graduação na área de TI, principalmente por gostar de estar próximo da nova geração de profissionais de TI, além disso, estou iniciando um livro, mas esse projeto ainda está em processo embrionário. Porém no início, como toda boa Startup, eu tive que conciliar meu trabalho como gestor de TI com as funções da GoTalent, acredito que esse seja o caminho natural para um empreendedor no Brasil.

Papo: Como foi a captação de investidores?
Edinor: Inicialmente nós seguimos conciliando os trabalhos nas empresas que já estávamos atuando com as atividades da GoTalent, mas quando a demanda aumentou significativamente nós percebemos que seria inviável manter essa estrutura e passamos a buscar investidores. Eu trabalhava nessa época e contrariando o senso comum, busquei apresentar a GoTalent ao meu chefe. Nós sempre tivemos um bom relacionamento profissional e ele sempre se mostrou uma pessoa de visão empreendedora, então eu acreditava que ele iria enxergar todo o potencial da GoTalent. Seguiram-se algumas reuniões, onde apresentei o Plano de Trabalho da empresa e nossas estimativas de crescimento e retorno.

Papo: Sabemos que startups nascem e morrem a toda hora. Que dica você deixa para quem tem uma boa ideia, mas ainda se sente inseguro para colocá-la em prática?
Edinor: Coloque sua ideia em prática, transforme-a em negócio e aí corra atrás de um investidor. Muitos ficam com medo de sair contando sua ideia por imaginar que alguém irá ouvir e rouba-la, esse é um erro muito comum no meio. A realidade é que os investidores não estão interessados em ter o trabalho de desenvolver um novo negócio, eles querem colocar o dinheiro e ter o retorno, simples assim. Além disso, o fato é que nenhuma ideia é genial se ela não puder gerar um negócio concreto.

Você pode gostar...